segunda-feira, maio 04, 2015

4ª Conferência Municipal da Criança e do Adolescente foi realizada nesta quarta em Ilhabela

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCAI), em parceria com a Prefeitura de Ilhabela, realizou nesta quarta-feira (29/4), as  9h, a 4ª Conferência Municipal da Criança e do Adolescente. O evento ocorreu na Câmara Municipal de Ilhabela.O tema este é “Política e Plano Decenal dos Direitos da Criança e do Adolescente: Fortalecendo os Conselhos”.
Conforme o regimento interno, a conferência tem por finalidade assegurar o cumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA); envolver e integrar a população, entidades, poder público e ministério público em ações conjuntas que tenham como objetivo o cumprimento do ECA; avaliar ações desenvolvidas e eleger delegados para a IX Conferência Regional dos Direitos da Criança e Adolescente.

Fundo Social de Ilhabela abre inscrições para cursos gratuitos em maio

O Fundo Social de Solidariedade de Ilhabela informa que entre os dias 4 e 8 de maio estarão abertas inscrições para diversos cursos gratuitos.  Os interessados poderão fazer a inscrição no Centro de Formação e Capacitação Profissional, na Rua Guaiamú, 56, no Jardim Éden-Perequê (ao lado da Casa do Caiçara), das 9h às 12h e das 14h às 17h, com RG, CPF e comprovante de residência. As vagas são limitadas.
Há oportunidades para a área de artesanato, com cursos de crochê (iniciante), tear, pintura em tecido, artesanato em tecido e feltro. No Polo de Beleza, os cursos são: manicure e pedicure, auxiliar de cabeleireiro, maquiagem, e depilação e design de sobrancelhas.
Já no Polo de Costura, haverá vagas para os cursos de corte e costuras sob medida e iniciação de costura.    
Também há vagas para a área de panificação.
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (12) 3895-1271.

Confira os cursos gratuitos do Fundo Social de Solidariedade:
Artesanato
Crochê (iniciante)
Tear
Pintura em tecido
Artesanato em tecido e feltro

Polo de Beleza
Auxiliar de Cabeleireiro
Manicure e Pedicure 
Designer de sobrancelha e depilação
Maquiagem

Polo de Costura
Corte e Costura sob medida
Iniciação de costura

Panificação 

Refim de Ilhabela prevê pagamento de dívidas com anistia de multas/juros e em até 60 vezes

A Prefeitura de Ilhabela promove o Programa de Recuperação Fiscal Municipal (Refim) para regularizar todos os créditos da Fazenda Municipal de natureza tributária, ajuizados ou não, inscritos em dívida ativa ou não, vencidos até o dia 31 de dezembro de 2014, entre eles, Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Sobre Serviços (ISS), taxas, multas tributáveis e posturas municipais. A medida está prevista pela lei municipal 1.076/2015. A adesão ao Refim pode ser feita até o dia 30 de junho.
Os contribuintes com dívidas em tributos municipais podem obter até 100% de anistia de juros e multas em pagamento à vista ou ainda o parcelamento em até 60 vezes. Para aderir ao Refim, o contribuinte interessado ou representante legal deve preencher o requerimento diretamente no Setor de Receita da Prefeitura de Ilhabela. Os débitos existentes em nome do contribuinte serão consolidados até a data do pedido de adesão. O Paço Municipal fica à Rua Prefeito Mariano Procópio de Araújo Carvalho, nº 86, no Perequê.
 

As anistias e remissões de multas e juros são dos seguintes percentuais e condições:

I-       100% (cem por cento) para pagamento a vista;
II-      95% (noventa e cinco por cento) para pagamento parcelado em até 3 meses;
III-    90% (noventa por cento) para pagamento parcelado em até 12 meses;
IV-    85% (oitenta e cinco por cento) para parcelamento em até 24 meses;
V-      80% (oitenta por cento) para parcelamento em até 36 meses;
VI-    60% (sessenta por cento) para parcelamento em até 48 meses; e,
VII-   40% (quarenta por cento) para parcelamento em até 60 meses.

Mais de 450 caminhões de resíduos são coletados em Operação Bota-Fora

Nesta sexta e sábado (1 e 2/5/2015), a Operação Bota-Fora passará pelos bairros Benfica, Jardim Aruan e Jaraguá das 8h às 16h. Promovida nos bairros de Caraguá desde o início de fevereiro para eliminar criadouros do mosquito da Dengue, a operação já coletou 467 caminhões de materiais que acumulam água em todo município.

A região Sul é a mais atingida pela doença com 44, 94% dos casos positivos; seguida da região Central com 38, 08% e Norte com 16, 88%. O município segue em estado de emergência e calamidade pública para execução de ações necessárias à prevenção e ao combate da Dengue.

A cidade registrou 5.739 notificações da doença até a última quinta-feira (23); destas 2.915 foram positivas, 2.548 negativas e 276 seguem em investigação de acordo com a secretaria de Saúde.

Operação Bota-Fora - No mês de fevereiro, a operação percorreu os bairros Perequê-Mirim, Jaraguazinho e Olaria/Casa Branca dias 6 e 7. Nos dias 13 e 14, por Massaguaçu, Martim de Sá e Travessão.

Já nos dias 20 e 21, a ação passou pelo Morro do Algodão e Pegorelli. Nos dias 27 e 28, foi a vez dos bairros Rio do Ouro, Jaraguazinho e Jetuba. Dias 6 e 7/3, a ação passou pelos bairros Travessão, Tinga e Praia das Palmeira.  

Nos dias 13 e 14, a ação percorreu o Centro, Estrela D’Alva, Sumaré e Porto Novo; dias 20 e 21, Indaiá, Poiares e Barranco Alto. Entre os dias 27, 28, a operação percorreu os bairros Casa Branca, Olaria e Perequê-Mirim;1 e 2/4, a ação passou por Martim de Sá e Morro do Algodão.

Nos dias 10 e 11, a operação percorreu os bairros Britânia, Pontal Santa Marina e Indaiá e nos dias 17 e 18, a ação passou pelo Tinga, Gaivotas e Golfinho. No último final de semana (24 e 25), a operação esteve nos bairros Massaguaçu, Jardim Tarumã e Cidade Jardim.

Serviço
Disque denúncia do CCZ: (12) 3887-6888

Atividade Delegada intensifica ações de segurança da Polícia Militar em Ilhabela

Oficializada em 2014 em Ilhabela, a “Gratificação por Atividade Delegada” para a Polícia Militar tem proporcionado um aumento do efetivo nas ruas da cidade, o que consequentemente resultou na ampliação das ações de segurança. Na última semana, o 1º Pelotão da Polícia Militar divulgou um novo balanço sobre a produtividade da atividade delegada - que é exercida pelo policial em seu horário de folga - durante a Operação Verão. Vale ressaltar que estas horas são pagas pela Prefeitura de Ilhabela.
De acordo com as informações do 1º tenente Adriano Alves Diniz, comandante do 3º Pelotão, a operação contou com 120 policiais militares e realizou 3.731 abordagens a veículos, 5.756 abordagens a suspeitos, sendo que a Polícia Militar retirou das ruas 22 criminosos; aproximadamente 1kg de entorpecentes; quase 600 condutores autuados; mais de 130 veículos recolhidos; além de outros crimes e contravenções.
O programa de “Gratificação por Atividade Delegada” já alcançou resultados extremamente positivos. Desde o inicio do programa, no ano passado, foram feitas mais de 6,5 mil abordagens policiais, com o resultado de quase 200 veículos apreendidos e cerca de 1,4 mil autos de infração.
Segundo dados da própria polícia, a medida proporciona um aumento de 30% do efetivo de policiais nas ruas. O convênio está previsto pela Lei Municipal 913/2011. Na grande São Paulo, a aplicação da Atividade Delegada reduziu para cerca de 40% as incidências dos crimes. “Com a atividade delegada conseguimos ter um número maior de policiais nas ruas e consequentemente mais segurança para a população”, destaca o prefeito Toninho Colucci.
Investimento
Também em 2014, a Prefeitura de Ilhabela adquiriu de novos veículos para o exercício da “Gratificação por Atividade Delegada”. Dos 11 novos carros adquiridos para a renovação da frota, dois deles, uma Nissan Frontie – que percorre as comunidades tradicionais, como Castelhanos – e um Renault Sandero, foram destinados à Atividade Delegada.

sábado, janeiro 10, 2015

Tradicional cantoria de Folia de Reis de São Sebastião se despede do presépio montado na Sectur

Grupos do Pontal da Cruz e do Morro do Abrigo levam cantadores e personagens mascarados para festejar o Dia de Reis

O Dia dos Santos Reis foi comemorado nesta terça-feira (6), na Secretaria de Cultura e Turismo de São Sebastião com a cantoria tradicional dos grupos de Folia de Reis do Pontal da Cruz e do Morro do Abrigo, bairros da região central da cidade.
Cantadores e personagens mascarados relembraram a visita dos reis magos ao menino Jesus com orações e muita música em frente ao presépio montado dentro da Sectur, enquanto dois figurantes portavam os estandartes dando boas vidas à festividade.
Laurindo Rosa dos Santos, do grupo do Morro do Abrigo, falou sobre esta tradição passada entre familiares e amigos. “Nós fazemos um trabalho durante todo o ano onde ensaiamos as músicas e danças e também realizamos eventos para arrecadar fundos para realizar a festa em janeiro e, durante este tempo é muito gratificante poder ver as novas gerações aprendendo e seguindo a tradição”, disse Santos.
Homenagem
Já Ana Maria Paulina da Silva, do grupo do Pontal da Cruz, contou que este é um ano especial onde os festejos também homenageiam um dos integrantes do grupo falecido no ano passado.
“Se eu não estiver nesta cantoria todos os anos não me sinto bem, isso para mim é tudo, é uma felicidade imensa e que vai além deste dia 6 de janeiro, pois faço de tudo pelo grupo e pela Festa de Reis, portanto é uma alegria muito grande poder participar e louvar”, resumiu Ana.
O casal Marlei Medeiros e Paulo Rogério Cardim trouxe o pequeno Henri para ver a apresentação, contaram que estão aprendendo sobre o significado deste costume e já receberam a bandeira em sua casa no bairro do Pontal da Cruz.
“Estávamos passando, reconhecemos o grupo e resolvemos vir ver, pois é um costume que achamos bem bacana e sobre o qual estamos descobrindo a história”, disse Marlei.
Vindos de Campinas para as férias, o casal Milene Navarro Almeida e Daniel Gomes se aproximou curioso, percebeu ser a festa de Folia de Reis e parou para prestigiar.
“Eu acho muito legal que o município esteja incentivando esta cultura e num local como a própria secretaria, trazendo para a rua uma manifestação cultural importante que as grandes cidades já não cultivam mais. É bacana de observar e tentar entender, saber o porquê do uso de máscaras, das cantorias, da tradição. É muito bonito e bacana”, resumiu Milene
De acordo com Vera Alonso, diretora de Cultura da Secretaria de Cultura e Turismo, esta festa é um momento especial de devoção dos fiéis católicos.
“Montamos o presépio com muito carinho e nesta data tão significante é uma grande alegria poder receber e acompanhar esta tradição popular que expressa de forma emocionante a fé do povo brasileiro”, declarou Vera.
Grupos
Segundo informações, a folia do Pontal da Cruz existe há cerca de 19 anos e conta com cerca de 15 integrantes.
Já a Folia do Morro do Abrigo é mais velha, completando oficialmente 48 anos. Porém, há relatos de sua existência desde 1946, segundo José Luiz Ribeiro que faz parte dos dois grupos.
Folia de Reis
A Folia de Reis é uma manifestação folclórica herdada dos colonizadores portugueses e desenvolvida no Brasil com características próprias. Ela possui uma rara beleza que enriquece a cultura brasileira.
Cantadores e instrumentistas percorrem as casas da cidade no mês de dezembro, até 6 de janeiro, dia em que, segundo contam, os reis chegaram até o Cristo menino.
Eles entram nas casas que aceitam a bandeira entoando versos relativos à visita ao menino Jesus e arrecadando prendas para as festas que, neste ano acontecerão no dia 10 de janeiro no Morro do Abrigo e no dia 31 no Pontal da Cruz.
Os instrumentos utilizados normalmente são a viola, violão, sanfona, reco-reco, chocalho, cavaquinho, triângulo, pandeiro, entre outros, dependendo de cada região. Os personagens também podem variar de cidade para cidade.
Basicamente a maioria das folias é composta por personagens vestidos com roupas bastante coloridas, sendo eles o mestre, contra-mestre, os três reis magos, palhaços e foliões.
Entre os personagens mais marcantes está o palhaço. Com seu jeito cínico e dissimulado, deve proteger o menino Jesus, confundindo os soldados de Herodes que querem matar todas as crianças da região. O seu jeito alegre e suas vestimentas coloridas são responsáveis pela distração e divertimento de quem assiste à apresentação.
Representando o mal, usa geralmente máscara confeccionada com pele de animal e segue sempre afastado um pouco da formação normal da Folia, nunca se adiantando à ‘bandeira’. Apesar de seu simbolismo, é personagem alegre, que dança e improvisa versos, criando momentos de grande descontração.
Outros destaques são os três reis magos, que fazem a viagem da esperança, guiados pela estrela Dalva até Belém, onde está o menino Jesus.
Fotos: Valéria Borges | PMSS



terça-feira, abril 08, 2014

Massaguaçu recebe seletiva do Show de Talentos


Exibindo DSC_5087.jpg








Fotos: Luís Gava

No último sábado (5/4/2014), foi realizada a seletiva do Show de Talentos no bairro Massaguaçu. Os adolescentes se apresentaram na Quadra de Esportes da escola Emei/Emef Benedito Inácio Soares. A última seletiva antes da final será no sábado (12), nos bairros Pegorelli e Travessão.


Na categoria juvenil (12 a 14 anos), a melhor cantora foi Laís Pereira Mello e a melhor dança, foi a do grupo GF Girls, composto por Maria Julia Fernandes e Tainá Caroline Amancio.                                                                                                        
Na categoria adulto (15 a 17 anos), no quesito canto, quem levou a melhor foram os MC’s APS e Menor DL e o melhor grupo de dança foi o GF Crew, com os integrantes Davi Silva, Hilton Learte e Carol Moreira.

Exibindo DSC_4886.jpgOs participantes foram julgados pela dançarina de balé da Fundacc, Karen Siqueira Barroso; pelo integrante da Banda Feira Livre, Douglas Conceição; a cantora e empresária, Mara Amaral; o integrante e fundador do grupo de funk do litoral Os Praianos, Rodrigo Praianos; a jornalista, Claudia Ottini; o empresário, Eduardo Gama; e o cantor e produtor, Cristian Machado.

Quem tiver interesse em participar da próxima seletiva ainda pode se inscrever, basta procurar o Centro de Referência de Assistência Social (Cras), da região Sul ou o Centro Comunitário do Pegorelli.

O Show de Talentos é uma iniciativa do Governo Municipal por meio da secretaria de Assistência Social, com o apoio da Fundação Educacional e Cultural de Caraguá (Fundacc) e as Fábricas de Cultura do Estado de São Paulo.

Confira a data da próxima seletiva:
Dia 12/04 - 9h – Centro Comunitário do Pegorelli (Rua 03, 75)
        14h – Centro Comunitário Estevam do Carmo (Praça do Travessão)
Dia 10/05 – 14h – Final – Praça Dr. Cândido Motta - Centro

Mais informações no telefone: 3897-7054 e no regulamento.
  
Serviço
Secretaria de Assistência Social – Avenida Bahia, 845 – Indaiá – Tel: 3897-7070/7074
Cras Sul – Avenida José Herculano, 6900 – Porto Novo – Tel: 3885-2350

Etapa do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon tem recorde de participantes

Exibindo DSC_5103.jpgExibindo DSC_5147.jpgExibindo DSC_5235.jpg
Fotos: Gianni D’Angelo

A 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Paratriathlon e Triathlon Age Group, realizada no último domingo (6/4), em Caraguá, teve recorde de participantes em competições sediadas em países latino-americanos, com 47 paratletas. Ao todo foram 317 participantes.

As provas, realizadas na praia do Indaiá, foram classificatórias para a formação da equipe que irá representar o Brasil no Campeonato Pan-americano de Paratriathlon, em Dallas, EUA, no próximo dia 1º de junho. Os competidores enfrentaram 750 m de natação, 20 km de ciclismo e 5 km de corrida.

O quarto lugar geral, no masculino, e primeiro entre os cadeirantes, Fernando Aranha, 35 anos, disse que a competição foi divertida e familiar. “Encontrei muitos amigos nessa etapa. A cidade tem tudo para transformar o paratriathlon em um grande evento. Percebo um crescimento positivo nessa prova em relação a do ano passado”, afirmou Aranha.

A primeira colocada no ranking mundial de Paratriathlon 2013, Campeã Brasileira de Paratriathlon 2012 e 2013 e Campeã Panamericana de Paratriathlon, Fernanda Katheline, 36 anos, não decepcionou. Ficou em primeiro lugar geral, no feminino, e em primeiro na categoria lesão de membro inferior.

“As condições do mar estavam bem melhores do que no ano passado. A organização do evento também evoluiu positivamente. Gostei do meu desempenho. Agora é focar nos treinos para o Pan-americano de 2016, no Brasil”, disse Fernanda.

O representante da Confederação Brasileira de Triathlon e técnico da Seleção Brasileira de Paratriathlon, Hilton Lopes, disse que o resultado dessa etapa foi muito melhor do que o esperado.

“Nunca em nenhuma outra competição, em países latino-americanos, houve tantos paratletas reunidos. Foi uma surpresa muito agradável. A Confederação Brasileira de Paratriathlon agradece ao Governo Municipal pelo apoio e infraestrutura para realizar a competição. Esperamos que muitos outros eventos possam ser sediados em Caraguá”, afirmou Lopes.

Resultado Geral
Masculino
1º lugar – Rodrigo Feola (SP) – deficiente visual - guia Marcos Ornellas
2º lugar – Marcelo Collet (BA) - lesão de membro inferior
3º lugar – José Elias de Oliveira (DF) – perda de função motora por comprometimento neurológico (DF)
4º lugar – Fernando Aranha (SP) - cadeirante
5º lugar – Jorge Luís Fonseca (SC) - sem movimento do braço direito.
Feminino
1º lugar – Fernanda Katheline Pereira (SC) – lesão de membro inferior
2º lugar – Natércia Soares (SP) - deficiente visual - guia Xan Figueiredo
3º lugar – Yasmim Martins (SC) - perda de função motora por comprometimento neurológico
4º lugar – Miriam Hatano (SP) - amputada de braço
5º lugar – Ana Cristina Bernardo (SP) cadeirante

Decreto amplia benefícios aos policiais de Caraguá

Exibindo DSC_5222.jpgExibindo DSC_5297.jpgExibindo DSC_5309.jpg

Fotos: Luis Gava/PMC


O prefeito de Caraguá, Antonio Carlos, assinou na manhã desta segunda-feira (7/4/2014) o decreto 67/2014 que concede benefícios aos policiais militares, ambientais e civis, além do Corpo de Bombeiros. Representantes das polícias, do poder judiciário e secretários municipais estiveram reunidos no gabinete do prefeito e conheceram os detalhes do documento.
O decreto, que regulamenta a Lei Municipal 2.150/2014, estabeleceu a concessão de auxílio moradia no valor correspondente ao montante devido de IPTU pelos soldados da Polícia Militar (incluindo Corpo de Bombeiros e Polícia Ambiental) e da Polícia Civil que prestam serviços e residem em Caraguá.

Outro benefício foi o aporte financeiro no valor de um salário mínimo aos comandantes da Polícia Militar e delegados civis que prestam serviços no município.

Para ter acesso a esses incentivos, o interessado deve apresentar documentação e comprovantes na prefeitura, conforme descritos no edital.

O prefeito Antonio Carlos ressaltou o compromisso de estabelecer parcerias bem sucedidas na área de segurança pública. Reiterou que confia nos policiais e, com a criação da Guarda Municipal, o trabalho será executado em conjunto. “A guarda terá a função de proteger os prédios públicos, mas também dará apoio às ações da Polícia Militar, sob coordenação da própria polícia”, afirmou. 

O comandante de policiamento da região, Coronel Cássio Armani, elogiou as ações do Governo Municipal que auxiliaram a polícia a reduzir os indicadores de violência no primeiro trimestre deste ano em Caraguá. Segundo Armani, dados do Infocrim apontaram redução de 62,50% nos homicídios, 16,22% em furtos, 6,9% em roubos, 33,93% em furtos de veículos e 84,62% em roubo de veículos.

O secretário de Trânsito, Segurança e Defesa Civil ressaltou que o Governo Municipal investe por mês aproximadamente R$ 110 mil com a Atividade Delegada.

Prefeitura de Ilhabela orienta moradores quanto à Dengue

Exibindo DENGUE - PIACD - Foto Vanessa de Paula.JPG
Foto: Vanessa de Paula/PMI

Toda a população deve limpar seus quintais retirando objetos inservíveis que possam acumular água onde a maioria dos criadouros é encontrada

A Prefeitura de Ilhabela registrou, de 1º de janeiro até a manhã desta segunda-feira (7/4), 191 casos confirmados de dengue. Segundo a Vigilância Epidemiológica, os bairros mais infestados são Água Branca, Itaquanduba, Barra Velha e Perequê.
Conforme a atualização dos dados, a Prefeitura programa ações de arrastão e de nebulização nos bairros mais críticos pelos agentes do Plano de Intensificação de Ações de Controle da Dengue (PIACD). A equipe também realiza ações casa a casa; pesquisa de ponto estratégico -monitoramento de locais considerados como porta de entrada, como cemitério, depósitos, borracharias, entre outros; bloqueio e controle de criadouros; arrastão e avaliação de densidade larvária - vistoria e coleta de larvas em imóveis de uma determinada área onde é avaliado o índice de infestação.
Já o arrastão incentiva os moradores a recolherem todos os objetos inservíveis principalmente dos quintais. Durante todo o ano, a Secretaria de Saúde vem desenvolvendo trabalhos de conscientização quanto à importância de eliminar os criadouros do mosquito Aedes aegypti e osprofissionais de saúde também passam por constantes treinamentos.
Limpeza e higiene
A conscientização da própria população é fundamental. Os moradores de todos os bairros devem estar cientes que o perigo da dengue está diretamente relacionado com a limpeza e a higiene de suas residências.
O comprometimento de toda a comunidade com a higiene pessoal e do ambiente familiar e de trabalho é a melhor forma de prevenir a dengue, evitando a proliferação do mosquito transmissor da doença.
A orientação é eliminar todos os recipientes que possa vir acumular água, garrafas, baldes ou latas vazias; água acumulada sobre a laje, calhas e ralos desentupidos. É necessário que seja verificada a vedação da caixa d'água. Lixo em terrenos baldios, calçadas, ruas e cachoeiras também contribuem com a proliferação do mosquito.
O lixo deve ser colocado em sacos plásticos e a lixeira deve estar bem fechada. Para quem tem piscina em casa é necessário tratá-la com cloro ou se ela estiver vazia é preciso mantê-la sem poças de água. Quanto às bromélias, o ideal é eliminá-las totalmente. A Prefeitura de Ilhabela também prossegue com campanha em rádios e jornais da região.
Por que não o fumacê?
De acordo com levantamentos, foi observado que o uso de carros fumacê pode resultar num efeito inverso e, ao invés de eliminar o mosquito, pode contribuir para que ele fique resistente à ação do veneno e, com isso, se torne ainda mais difícil o combate aos vetores da doença. O inseticida elimina apenas o mosquito, não atingindo as larvas que se encontram nos criadouros, portanto, a forma mais eficaz de controlar o vetor é eliminando esses criadouros. Além disso, essas substâncias devem ser usadas de forma bem pontual, pois apresentam riscos à saúde e ao meio ambiente.
Sintomas
Os sintomas da dengue são: febre alta com duração de 2 a 7 dias; dor de cabeça; dor no corpo e nas juntas; dor atrás dos olhos e manchas vermelhas pelo corpo. Em caso de suspeita de dengue, o munícipe deve procurar o posto de saúde mais próximo da sua casa.
Toda a equipe da Secretaria de Saúde de Ilhabela está devidamente treinada e capacitada quanto às condutas necessárias.
O uso de repelente também pode ser uma forma de evitar a picada do mosquito transmissor.
Os munícipes que quiserem denunciar casos de criadouros podem ligar para (12) 3896-9234 no PIACD ou pelo email: piacd@ilhabela.sp.gov.br.

Colucci chega à obra nº 300 do governo com a reurbanização da entrada de Ilhabela

Exibindo 6ª FASE REURBANIZAÇÃO (1).JPGExibindo 6ª FASE REURBANIZAÇÃO (2).JPG
Fotos: Gustave Gama/PMI


Trata-se da 6ª fase da Av. Princesa Isabel, na saída da balsa, e inclui o alargamento da Av.Tiradentes para o novo bolsão de embarque da travessia. Obra prevê ainda a ponte estaiada sobre o Ribeirão Água Branca para a ciclovia, novo ponto de ônibus, ponto de táxi, rotatória e estacionamento

Ao completar pouco mais de cinco anos e três meses à frente da Prefeitura de Ilhabela, o prefeito Toninho Colucci atingiu a marca de 300 obras ao iniciar este mês a reurbanização da entrada da cidade. Trata-se da 6ª Fase da Avenida Princesa Isabel, desde o atracadouro das balsas até a rotatória próxima à Secretaria de Turismo. A obra inclui ainda o alargamento da Avenida Tiradentes, para onde será remanejado o bolsão de espera da travessia de balsa.
Conforme o projeto, com o alargamento a Avenida Tiradentes passará a ter cinco faixas para o bolsão e mais uma faixa de trânsito local. A rua Caminho do Perequê também será alargada, já que integrará o novo acesso à balsa.
A obra iniciada este mês tem a previsão de término para dezembro deste ano e o investimento será de R$ 7,8 milhões. Deste montante, R$ 3,4 milhões provenientes de recurso do Dade (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias), do Governo do Estado, e R$ 4,4 milhões do orçamento da Prefeitura de Ilhabela. A 6ª Fase da Reurbanização é executada pela TCL Tecnologia e Construções Ltda.
O prefeito Toninho Colucci destaca a importância da obra para a mobilidade urbana, beneficiando moradores e turistas. “É uma obra importante, que facilitará a entrada e a saída da cidade, diminuindo os transtornos que a fila da balsa provoca em dias de pico. Teremos um grande bolsão na Avenida Tiradentes, o que dará agilidade no embarque para a travessia”, destacou o prefeito. Ele ressalta que a reurbanização complementará a obra que o Estado deve iniciar ainda este ano para o novo sistema de atracação de balsas. Entre 2010 e 2013, a Prefeitura executou cinco fases da Reurbanização da Avenida Princesa Isabel, incluindo alargamentos, duplicações, ciclovias, ciclofaixas, rotatórias, faixas elevadas para travessia de pedestres, jardins, construção de pontes, entre outras melhorias, desde a Barra Velha até o Engenho D’Água.
Mobilidade urbana
Além das melhorias viárias, a 6ª fase da obra ainda contempla o prolongamento da ciclovia no trecho da Avenida Tiradentes, calçadas, faixas elevadas para travessia de pedestre, jardins, o novo ponto de ônibus e o novo ponto de táxi. Também será feita a nova rotatória da Barra Velha, próxima à Secretaria de Turismo, melhorando a fluidez do trânsito para os veículos que saem da balsa e se dirigem à Vila e ao sul da ilha. “Além da melhoria da mobilidade urbana, esta obra proporcionará que em breve tenhamos um sistema de transporte intermodal, integrando ônibus, táxis, bicicletas e futuramente as lanchas, sem contar a mudança no visual da entrada da cidade”, enfatiza o secretário municipal de Obras, Flávio Miranda. Ele ainda ressaltou que a obra contempla um novo sistema de drenagem desde o córrego próximo ao Hospital Mário Covas.
Ponte Estaiada
Quanto à ponte estaiada sobre o Ribeirão Água Branca, esta permitirá a interligação da ciclovia à beira-mar, que irá desde o bolsão de travessia de balsa, na Barra Velha, até a Vila (centro histórico). Colucci ressalta que a obra conta com licenciamento. “A obra gera intervenções nas margens e contamos com todo o licenciamento. Toda construção de ponte intervém em APP (Área de Preservação Permanente) e esta obra está licenciada pela Cetesb e Daee”, ressaltou o prefeito. “O ciclista e o pedestre poderão ir da balsa até a Vila pela ciclovia e passeio público por toda a orla”, comemora. Desde 2010, quando iniciada a 1ª fase da Reurbanização da Avenida Princesa Isabel, a Prefeitura investe na construção de ciclovias, incluindo o trecho urbano e também de orla. Hoje, outro trecho de ciclovia encontra-se com obra em andamento, entre Itaquanduba e Engenho D’Água.  
Novo atracadouro
Toda esta 6ª fase da obra de reurbanização virá ao encontro com a mudança no sistema de atracação das balsas, cujo projeto foi apresentado no ano passado pela Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A). O novo sistema prevê “gavetas”, que deverão aumentar a capacidade operacional do serviço. As gavetas são como as do sistema de travessias do Guarujá, onde a balsa se encaixa em um espaço para o embarque e desembarque, sem a necessidade de amarração, diminuindo o tempo de manobra, refletindo por consequência no tempo de espera na fila. Serão dois berços de atracação e os pedestres contarão com um píer de uso exclusivo, embarcações separadas dos veículos e com uma nova estrutura de abrigo para a permanência durante a espera. “Nossa expectativa é que esta obra do Governo do Estado seja iniciada ainda este ano”, concluiu Colucci. 

Copa Vanguarda de Futsal realiza partidas em São Sebastião

Exibindo Copa Vanguarda de Futsal - Arnaldo Klajn PMSS (1).JPGExibindo Copa Vanguarda de Futsal - Arnaldo Klajn PMSS (2).JPG
Foto: Arnaldo Klajn | PMSS

A Copa Vanguarda de Futsal que completa sua 16ª edição neste ano e reúne 24 equipes, além de uma plateia sempre entusiasmada, teve início na quinta-feira (3), com  partidas pelas cidades ondes ocorrem.
Toda área de cobertura da emissora receberá as etapas classificatórias. Isso facilitará a participação das torcidas nos jogos. Além disso, é uma forma da competição prestigiar as cidades da região promovendo a oportunidade do patrocinador estar próximo dos telespectadores durante as disputas.
A Copa Vanguarda é composta por 24 equipes, divididas em duas regiões, São José dos Campos e Taubaté, sendo que São Sebastião participa com três times.
Fazem parte do grupo do time de São Sebastião as cidades de São José dos Campos, Caraguatatuba e Paraibuna. Já de Maresias, fazem parte as equipes de Vargem, Ilhabela e Joanópolis. No grupo do time São Francisco da Praia estão as equipes de Jacareí, Bragança Paulista e Santa Branca.
Parte da bilheteria da Copa será destinada à contribuição social, onde as entidades assistenciais das cidades que sediam os jogos recebem doações.
A primeira rodada

Confraternização marca a celebração do Dia do Caiçara na Costa Sul de São Sebastião

Exibindo Festa Caiçara Boiçucanga - Cristiane Castro PMSS (1).jpgExibindo Festa Caiçara Boiçucanga - Cristiane Castro PMSS (2).jpgExibindo Festa Caiçara Boiçucanga - Cristiane Castro PMSS (4).JPG
Exibindo Festa Caiçara Boiçucanga - Divulgação (1).JPGExibindo MINI - Festa Caiçara Boiçucanga - Cristiane Castro.jpg
Foto: Cristiane Castro/PMSS

Em função do Dia do Caiçara, comemorado em 15 de março, a Prefeitura de São Sebastião por meio de Sectur (Secretaria de Cultura e Turismo), preparou uma programação especial para o sábado (5), visando celebrar a data.
A festa aconteceu na Praça da Mentira, em Boiçucanga, Costa Sul do município, ponto de encontro dos caiçaras antigos do bairro, e contou com diversas atrações entre elas, corrida de canoas, exposição de fotos, exibição de filmes, lançamento de livro, folia de reis entre outras.
A escritora Maria Angélica de Moura Miranda marcou presença no evento e lançou o seu livro, “Alma Caipira e Caíçara”, uma parceria com o escritor de São Luís do Paraitinga, Manoel Lopes Pereira.
O grupo do núcleo de Boiçucanga do Projeto Valorizando a Pessoa Idosa, sob o comando da monitora de coral da Setradh (Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Humano), Ana Maria Sierra, fez a apresentação da Ciranda, com um repertório que faz parte da cultura caiçara como  “A Canoa Virou”, “Suíte dos Pescadores” e “Peixe Vivo”.
O público ficou emocionado com a apresentação do grupo Folia de Reis da Costa Sul, que utilizou instrumentos musicais como violão, cavaquinho, viola, triangulo e também a caixa durante a cantoria de músicas religiosas e culturais, parte da tradição caiçara.
De acordo com antigo caiçara do bairro, seu Valdemar Francisco Teixeira, o Carioca, 72, celebrar a data e não deixar cair no esquecimento do povo o valor e os costumes da nossa cultura, “é fundamental”.
As comemorações seguiram ao longo do dia com o tradicional peixe assado e muita animação com o samba de Oswaldinho do Cavaco.

Equipe de Ilhabela é destaque campeonato de Stand Up Paddle em Alagoas

Exibindo CAMPEONATO SUP.jpeg




Etapas do campeonato são válidas pelo torneio Brasileiro e Mundial da categoria; atleta Isttefany Morais, de 14 anos, foi bicampeã Mundial na categoria Fam 12.6

A equipe de Stand Up Paddle de Ilhabela conseguiu excelentes resultados no campeonato Alagoas Pro Grand Slam de Stand Up Paddle 2014, disputado no último fim de semana (5 e 6 de abril), em Marechal Deodoro (AL). As etapas ocorreram na Praia do Francês e são válidas pelo torneio Brasileiro e Mundial da categoria.
A equipe de Ilhabela é formada por Iasmim Morais, de 13 anos; Isttefany Morais, de 14 anos; e Ariel Alves, de 16 anos. Com isso, a atleta Isttefany Morais, de 14 anos, foi bicampeã Mundial na categoria Fam 12.6.
Já a remadora Iasmim Morais, de 13 anos, conquistou o título na categoria “Kids – Fam 11.2”. Na disputa do Mundial (prova de 3 quilômetros), Iasmim foi vice-campeã. O jovem Ariel Alves, 16 anos, ficou em terceiro lugar na “Sup Race”, categoria Under 16. Aproximadamente 300 atletas participam do campeonato, dividido em categorias de prancha e separado por idade.
A equipe de Stand Up Paddle de Ilhabela tem o apoio da Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação.